Marina Bay Singapura
Check-in Tips2 de outubro de 2015

Singapura – De ilha de pescadores a grande potência econômica

image_print

Oiii gente!!!

Localizada ao sul da península da Malásia e considerada uma cidade-estado maior que o Vaticano e Mônaco e sendo ponto de encontro natural de rotas marítimas. Seria natural que Singapura fosse interesse de vários países, que muito lutaram pela sua posse.

Descoberta no século XIV, Singapura fora comanda por reinos antigos, como de Sião (atual Tailândia), império Majapahit e Palembang, este último criou o Sultanato de Malaca, tornando Singapura parte mais importante do Sultanato.

O grande salto comercial de Singapura ocorreu no século XIX sob o comando de Thomas Raffles, o britânico impulsionou a economia local trazendo grandes empresas à ilha.

A independência de Singapura ocorreu em 1965, quando deixou de ser parte da Malásia e passou a ser Republica de Singapura, como conhecemos hoje.

Antes de receber seu atual nome Singapura teve alguns “apelidos” como Pu-Luo-Chung (Ilha no fim da península) e Temasek (Cidade do mar). Quando no século XIV, segundo relatos históricos Sang Nila Utam (então governante de Palembang) avistou na ilha um animal semelhante a um leão, com isso professou que a ilha deveria se chamar “Singa-Pura” que em sâncristo significa “singa – leão” e “pura – cidade”.

Um símbolo que representa muito bem essa evolução de Singapura é o Merlion, metade peixe metade leão. O corpo (peixe) representa a origem da ilha quando era apenas uma região de pescadores e a cabeça (leão) representa seu avanço e o nome atual de Singapura. Essa escultura referencia de Singapura foi criada pelo artesão Lim Nang Seng, em 1972 com o objetivo de acolher os visitantes da ilha.

A bandeira de Singapura possui duas cores, vermelho e branco, uma lua e 05 estrelas. O vermelho representa a fraternidade universal e igualdade do homem. O branco simboliza a penetrante e pureza eterna e da virtude. A lua crescente representa uma jovem nação em ascensão, e as cinco estrelas representam os ideais de Singapura, da democracia, da paz, do progresso, da justiça e da igualdade.

Com 5,39 milhões habitantes, a população de Singapura é mista, com forte presença dos chineses (74,2%) seguida dos malaios (13,3%), indianos (9,2%) e outras raças (3,3%). Com essa mistura de culturas Singapura tem 04 idiomas oficias (inglês, mandarim, malaio e tâmil).

E a economia, como gira e do que vive a economia de Singapura? Bem, a economia gira em torno das transações financeiras, do comércio portuário, do turismo e da indústria de alta tecnologia. A moeda local é o dólar Singapura.

Na política Singapura vive em um sistema parlamentar de governo, nos mesmos padrões britânicos de Westminster. E conta com Executivo, Legislativo e Judiciário.

Após essa grande evolução, Singapura passou a voltar sua atenção para o turismo. Preparar a ilha para receber turistas de todo o mundo não é tarefa fácil, mas Singapura fez o dever de casa com louvor. Tanto em atrações como em estrutura, Singapura merece os parabéns.

Se listarmos tudo que é imperdível, esse post não vai ter fim. Singapura é recheada de atrações turísticas principalmente atrações na rua. Cada bairro tem sua peculiaridade, e atrações singulares, destaco alguns bairros que não podem ficar de fora na hora de planejar sua viagem para a ilha. São eles:

Kampong Glam

Mesquita do Sultão

Centro de Patrimônio Malaio

Ilha de Sentosa

iFly Singapore

Universal Studios Singapore

Lillte India

Templo Sri Veeramakaliamman

Tekka Center

Singapore River

Estátua de Sir Stamford Raffles

Raffles Landing Site

Museus da Civilização asiática

Joo Chiat/Katong

Katong Antique House

Rumah Bebe’s

Chinatown

Templo e Museu Buddha Tooth Relic

Templo Sri Mariamman

Templo Thian Hock Keng

Marina Bay

Garden by the Bay

Museu de Arte & Ciência

Shopping Marina Bay Sands

Singapore Flyer

F1 Singapore

Youth Olympic Park

Orchard Road

Opera Gallery

Damai SPA

Mandarin Gallery

Orchard Central

Civic District

Museu da Civilização Asiática

Casa de Arte

Harbor Front

Teleférico para Sentosa

Bras Basah Bugis

Museu Nacional de Singapura

Igreja Armênia

 

 

Marina Bay em Singapura

Me contem o que acharam dessa maravilhosa cidade!!

Não esqueçam de “amar” o post!

P.s.: As fotos foram retiradas da internet e do arquivo pessoal!! 😉