O melhor de Genebra

Olá, pessoas!!

Situada na parte Sul da Suíça, na região de Waadt, Genebra é banhada pelo Lago Léman (Lago de Genebra) e Rio Ródano e rodeada pelo Alpes Suíços e do Juras. O famosos Mont Blanc pode ser avistado da cidade. Divida pelas margens do rio: Rive Gouche (Margem esquerda e parte mais antiga e turística) e Rive Droite (área nova da cidade).

Genebra é sede da Nações Unidas e da Cruz Vermelha, além de ser centro diplomático e financeiro do mundo. Apresenta e conquista seus visitantes por ter de tudo um pouco com muita qualidade, seja história, arte, cultura, natureza, gastronomia renomada, além de ser referência no ramo da indústria relojoeira internacional.

É considerada a “Capital da Paz”, segunda maior cidade da Suíça.

Por estar perto da França, o país vizinho acaba por influenciar bastante na cidade suíça, o idioma, gastronomia e a típica boemia francesa (o bairro Carouge tem pura essência francesa) são sentidos em Genebra.

Parque dos Bastiões (Les Bastions)

Localizado aos pés das muralhas do século XV, tem seu acesso pela Praça Nova. Os escolhido pelos suíços para relaxamento, passeio e piquenique nas gramas. A tradicional “Corrida da Escalada” tem sua partida e chegada no parque.

Jardim Inglês de Genebra (Jardin Anglais)

São mais de 25 mil metros quadrados de muito verde a beira do Lago Léman. No jardim está o visitado Relógio Florido (funciona perfeitamente), belas esculturas e a Fonte de bronze Quatro Estações.

Museu de Arte e História de Genebra (Musée d’art et d’histoire)

Museu dedicado a arte suíça, construído no final do século XIX é um dos maiores museus da Suíça apresentando coleções arqueológicas, artes aplicadas e belas-artes. São mais de 650 obras de arte nesta instituição de reconhecimento internacional.

Genebra abriga outros museus de grande importância como: Museu Rath (museu de belas-artes da Suiça), Fundação Otto e Régine Heim (museu e encontros culturais), Museu Voltarie (museu dedicado ao filósofo), Museu Penthes (dedicado a historia da Suíça), Museu Ariana (arte cerâmica), Museu Internacional da Cruz Vermelha, Museu Olímpico, Museu Patek Philippe (museu dedicado ao relógio), Museu de Arte Moderna e Contemporânea – MAMCO, Museu de História Natural, Jardim Alpino, Museu Internacional da Reforma (sobre a Genebra Protestante) e o Conservatório e Jardim Botânico.

Catedral de São Pedro (Cathedral de Saint-Pierre)

Fincada no centro da Cidade antiga, a Cathedral de St. Pierre encanta pela estrutura arquitetônica do ano de 1160, a entrada é franca e há a possibilidade de ir ao topo e ter um bela vista da cidade, basta enfrentar 157 degraus. No subsolo da Cathedral há o sítio arqueológico com achados antigos que contam a história local.

Fonte Jet d’Eau

Por incrível que pareça esse jato de água é a grande atração de Genebra, o jato de água alcança 140 metros e joga 500 litros de água a velocidade de 200km/h. Está fincada no Lago Léman (La Rade).

Muro dos Reformadores

O Muro dos Reformadores é uma homenagem aos principais personagens da Reforma Protestante, está dentro no Parque dos Bastiões. Os quatro homens esculpidos em cinco metros de altura são: João Calvino, Guilherme Farel, Teodoro de Beza e John Knox.

Broken Chair

Gigante cadeira com uma perna quebrada, pesa 5,5 toneladas de madeira e possui 12 metros de altura. Autoria do célebre artista suíço Daniel Berset representa a oposição a minas terrestres e bombas de fragmentação. Fica simbolicamente na frente do Parque das Nações, onde está o Palácio das Nações (centro de reunião de políticos e diplomatas).

Banho de Pârquis

Localizada na praia lacustre, é banheiro público com saunas, salas de massagens, banhos turcos e torres para salto. É sim uma grande atração em Genebra tanto no inverno quanto no verão.

Monumento de Brunswick

Também é um Mausoléu neogótico construído conforme a vontade testamental de Carlos II de Brunsvique que deixou grande parte de sua fortuna em Genebra, localidade em que viveu e faleceu em 1873.

Ilha Rousseau

Ligada pela bela pontes “Pont des Bergues“, a ilha Rousseau possui um belo parque e uma linda vista para o Jet d’Eau e a ponte “Pont Mont Blanc”. Perfeito para lindas fotos e apreciar belas paisagens.

Gostaram?? Deixe nos comentários sua opinião sobre o post, vamos adorar saber!!
E não esqueça de “amar” o post ?
P.s.: As fotos foram retiradas da internet!