Passeios Tips22 de outubro de 2020

Brasil e suas serras

image_print

Olá, viajantes!

O Brasil tem um litoral imenso, suas praias paradisíacas. Conquista os gringos e os brasileiros. Mas como tudo na sua vida tem quem goste das regiões serranas, do frio, das cachoeiras e mata. E nosso Brasil possui destinos lindos e preparados para receber turistas que almejam um descanso nas montanhas.

Selecionamos alguns destinos certo para conhecer.

Visconde de Mauá (Rio de Janeiro)

Em Mauá (assim é conhecida) há conforto, atividades ao ar livre, e um charme no centrinho. As pousadas são aconchegantes ideais para descanso e momento a sós. As cachoeiras são os destaques, convidativas apesar da água gelada (nos dias de sol são a melhor opção). Na gastronomia, não deixe de provar as famosas as trutas e os pinhões.

Diamantina (Minas Gerais)

Situada na Serra do Espinhaço, Diamantina  é uma das mais importantes cidades históricas de Minas. A cidade preserva a arquitetura colonial, facilmente percebida em algumas construções, como: o Mercado, o Passadiço e a casa de Xica da Silva. Para os aventureiros, há muitas trilhas e cachoeiras nas redondezas (Milho Verde, São Gonçalo do Rio das Pedras e Biribiri). No mês de julho ocorre o Festival de Inverno da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) em Diamantina, ou seja, a cidade fica mais movimentada.

São Francisco Xavier (São Paulo)

Quem visita São Francisco Xavier tem a oportunidade de apreciar ar puro, mata conservada, aquele clima de interior que parou no tempo. Os visitantes optam pelo Mirante da Pedra do Porquinho para ter uma paisagem única da pequena cidade.

São Francisco Xavier possui várias trilhas para caminhadas e para “mountain bike”. Também existe uma rota de voo livre e vários pontos com altitudes apropriadas para praticar “parapente”.

O site oficial da cidade define bem: “São Francisco Xavier é uma região privilegiada pela beleza e exuberância das paisagens. Considerada área de preservação ambiental federal e estadual é resultante de atrativos naturais, para pessoas que gostam de praticar ecoturismo e turismo de aventura como montanhismo, fazer trilhas e estar em contato da natureza. A sua paisagem é descoberta de picos e cumes, serras, pedras e quedas d’água, que são considerados atrativos turísticos para os visitantes.”

Há várias cachoeiras como a do Roncador e a Pedra do Davi. Em abril acontece o Festival Literário da Mantiqueira.

Garanhuns (Pernambuco)

Nordeste também tem região serrana (Planalto da Borborema), e o exemplo é a cidade de Garanhuns, a pouco mais de 200 km (124.27 miles) de Recife. As baixas temperaturas (mínima inferior a 10°C no inverno) da cidade e seu charme florido e tranquilo fizeram de Garanhus a “Suíça pernambucana”. Os destaques ficam para os parques Pau-Pombo e Eucaliptos.

Domingos Martins (Espírito Santo)

Ideal para um bate-volta entre Domingos Martins e capital do Espirito Santo, Vitória, em menos de uma hora de Vitória chegamos em Domingos Martins e apreciar muitas atrações, em destaque: Pedra Azul, passeio de trem pelas cidades capixabas, cachoeiras (a Cascata do Galo) e o vilarejo.

Gostaram? 
Deixe comentários, vamos adorar saber.
E não esqueça de “amar” o post 😉
P.s.: As fotos são “Divulgação”!!