Gastronomia Lifestyle30 de junho de 2020

As melhores cafeterias e gelaterias de Veneza

image_print

Oi, gente!!

Veneza se destaca é nos doces. Você encontrará tanto confeitarias quanto cafeterias por toda a cidade. Nas cafeterias, você deve estar atento à diferença de preço existente entre o balcão (banco) e a mesa (tavolo), já que muitas vezes na mesa o preço costuma triplicar o do balcão. Os cafés mais conhecidos estão situados na Piazza San Marco.

Caffè Florian

Inaugurado em 1720, detém os títulos de a mais antiga cafeteria em atividade e uma das mais belas no mundo. O serviço é impecável, com garçons elegantemente vestidos e servindo os pedidos em bules e xícaras de porcelana com o brasão do Florian, acompanhados de talhares de prata.

Quase sempre, há apresentações de música clássica do lado de fora, onde recomendamos sentar e acompanhar o movimento na praça e pedir algumas delícias. Dentre tantas delicias ddo Florian, sugerimos o Caffè dell’Imperatore (misto café com licor de zabaione e creme de leite), o Caffè del Doge (café com creme de gianduia, creme de leite e avelã)

Endereço: Piazza San Marco, 57. 30124. Venezia VE, Itália.

Caffè Quadri

Desde 1775, o Café Quadri oferece, além do café, chocolate quente, os famosos biscoitos venezianos baicoli, sorvete, limonada, vinhos e licores. Com o tempo, o espaço ganhou um refinado restaurante quando foi comprado pelos irmãos Vaerini, em 1830. As salas foram decoradas com espelhos, móveis em estilo veneziano e as paredes pintadas com painéis que retratavam a vida veneziana e as paisagens dos anos 1700.

O Caffè Quadri é o único café histórico da Praça São Marcos a ter um restaurante. Hoje, ele é administrado pelos irmãos Alajmo, Massimiliano e Raffaele, proprietários de alguns dos restaurantes de maior prestígio da Itália. Em 2018, o espaço passou por um restauro realizado por Philippe Starck e artesãos venezianos.

Endereço: Piazza San Marco, 121. 30124. Venezia VE, Itália.

Caffè Lavena

Caffè Lavena chama atenção pela orquestra afinada e por um enorme lustre realizado em vidro de Murano decorado com as cabeças de mouro, elemento típico da arte veneziana. O Caffè Lavena começa a funcionar poucos anos depois do Florian, em 1750, no período em que Veneza passa ao controle do Império Austro-Húngaro. O nome original era Regina d’Ungheria, depois passou a se chamar Orso Coronato, e, finalmente em 1860, Caffé Lavena.

Distribuído em dois andares, o local sempre foi muito elegante e era frequentado principalmente pela clientela internacional, fato que lhe deu o título de café dos forasteiros. Um dos frequentadores famosos do Lavena foi o compositor alemão Richard Wagner, que passava longas temporadas em Veneza com a família. Ele ia ao Caffè Lavena todas as tardes e foi no local que ele compôs parte da obra Parsifal. É possível ver uma placa em uma das paredes do Lavena homenageando seu mais ilustre frequentador.

Endereço: Piazza San Marco, 133/134. 30124. Venezia VE, Itália.

Suso

Tudo feito ali é artesanal! Os gelatos são um show a parte e os sabores maravilhosos! Um dos que tem mais saída é o Manet, que é de chocolate gianduia e pistache salgado. A mistura de sabores é certeira! Ambiente moderno, bonito e elegante.

Endereço: Sotoportego de la Bissa, 5453. 30124. Venezia VE, Itália.

Gelato di Natura – San Giacomo dell’Orio

Uma das gelaterias mais famosas de Veneza foi inaugurada em 1982 e o sorvete tem uma textura diferentemente deliciosa. Os mais procurados são os de frutas, mas um sabor que merece destaque é o de Vanilla (baunilha): um creme aveludado que derrete na boca.

Endereço: Campo San Giacomo dell’Orio, San Croce, 1628. 30135. Venezia VE, Itália.

Green Apple

A gelateria uniu a tradição com a modernidade: ambiente jovem, alegre e acolhedor e gelato totalmente artesanal. Um dos destaques da casa é o homônimo da gelateria: o gelato de maçã verde, a perfeita combinação do doce e o “azedinho” da maçã verde.

Endereço: Fondamenta del l’Osmarin, 4977A. 30122. Venezia VE, Itália.

Gostaram?? Deixe nos comentários sua opinião sobre o post, vamos adorar saber!!
E não esqueça de “amar” o post ?
P.s.: As fotos foram retiradas da internet.