Check-in Tips20 de dezembro de 2016

10 pontos turísticos em Belo Horizonte

image_print

Oiii gente,

Belo Horizonte, ou simplesmente BH (Beagá) é capital do lindo estado de Minas Gerais, e sofre fortes incentivos culturais, religiosos e econômicos, que podem ser avistados em museus, memorias, igrejas, monumentos, parques e praças.

São muitas opções, muitas mesmo!!! Por isso separamos 10 pontos turísticos que valem a visita na capital mineira!!

01. Igreja São Francisco De Assis

Famosa pelo nome de Igrejinha da Pampulha, um dos maiores cartões postais de Belo Horizonte. Integrante do Conjunto Arquitetônico da Pampulha, a Capela de São Francisco foi inaugurada em 1959 e foi um grande marco na arquitetura da época com suas formas assinada por Oscar Niemeyer.

O interior da Capela agrada ainda mais ao se deparar com Via Sacra composta por painéis de Cândido Portinari. Os jardins são criação de Burle Marx, e as escultoras dos baixos-relevos em bronze do batistérios é de Alfredo Ceschiatti.

Religião e arquitetura misturados de forma harmonios levaram ao tombamento pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan); Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas gerais (Iepha/MG) e pela Gerência do Patrimônio Municipal.

sisters_in_travel-10_pontos_turisticos-belo_horizonte-igreja_sao_francisco_de_assis

02. Centro Cultural Banco do Brasil Belo Horizonte

Centro Cultural Banco do Brasil está presente em outras capitais brasileiras além de Belo Horizonte, tais como: Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo.

A missão é a mesma: Atuar como agente fomentador da cultura brasileira e oferecer à sociedade significativas expressões artísticas, proporcionando experiências interativas e transformadoras.

Um dos cartões postais da capital mineira, a sede do CCBB Belo Horizonte fica na Praça da Liberdade, em um prédio construído em 1926, que em 2009 recebeu restauração e adaptações para receber o CCBB BH, inaugurando oficialmente em 2013, participando do “Circuito Liberdade” – Complexo de antigos prédio da administração pública que se tornam espaços de cultura, artes e lazer.

sisters_in_travel-10_pontos_turisticos-belo_horizonte-centro_cultural_banco_do_brasil

03. Memorial Minas Gerais Vale

Também conhecido como Museu de Experiência, por remeter aos visitantes de forma interativa as tradições, cenários, sensações e experiências vividas pela sociedade mineira entre os séculos XVIII e XXI. O elo entre o passado e presente de forma dinâmica traz uma melhor compreensão da história mineira para seu povo e visitantes.

Inaugurado em 2010, no prédio histórico (datado em 1897) onde foi lançada pedra fundamental da cidade de Belo Horizonte, hoje, além de abrigar o Memorial, é tombado pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais – IEPHA/MG. Toda concepção e manutenção do Memorial é realizada pela Fundação Vale.

sisters_in_travel-10_pontos_turisticos-belo_horizonte-memorial_minas_gerais_vale

04. MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal

O maior acervo de mineração e metalurgia do país não poderia estar em outro lugar, sediado em Belo Horizonte, o Museu das Minas e do Metal integra o Circuito Liberdade, destacando as expressões e identidades culturais do estado mineiro, além valorizar a formação e desenvolvimento sócio econômico da região. Tudo isso com a proposta de colocar a mineração e metalurgia em perspectiva histórica, desvendando a função do metal no cotidiano e desvendando seus mistérios, riquezas e diversidades.

A implantação e manutenção do MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal foi de responsabilidade do Grupo EBX no período de 2008 a 2013. A partir de Dezembro de 2013, a GERDAU assumiu a manutenção do Museu.

sisters_in_travel-10_pontos_turisticos-belo_horizonte-mm_gerdau

05. Palácio Das Artes

Grande complexo cultural para divulgação de arte e cultura em Belo Horizonte, localizado na região central de BH – Avenida Afonso Pena. Propõe aos visitantes experiências pela quantidade de espaços oferecidos como: Grande Teatro, Teatro João Ceschiatti, Sala Juvenal Dias, Cine Humberto Mauro, Grande Galeria Alberto da Veiga Guignard, Galeria Genesco Murta, Galeria Arlinda Corrêa Lima e Galeria Mari’Stella Tristão.

Ainda há mais espaços oferecidos: o Centro de Convivência João Etienne Filho, abriga uma biblioteca e midiateca, o Centro de Formação Artística e Tecnológica da Fundação Clóvis Salgado – Cefart – com oferta de cursos de teatro dança e música.

sisters_in_travel-10_pontos_turisticos-belo_horizonte-palacio_das_artes

06. Mercado Central de Belo Horizonte

Inaugurado no dia 7 de setembro de 1929, une em um grande terreno (próximo à Praça Raul Soares), duas feiras famosas em Belo Horizonte: Feira da Praça da Estação e da Praça da atual rodoviária.

No Mercado Central de Belo Horizonte se encontra toda a tradição, sabores, encantos e magia nas mais de 400 lojas. Percorrer os corredores temáticos “queijos”, “doces”, “artesanato”, “ervas“, “raízes”, “artigos religiosos” e as praças é aliar as compras a cultura, lazer e diversão para toda família. Além dos corredores temáticos tem as coloridas bancas de hortifrutigranjeiros, com variadas frutas frescas e deliciosas. E os produtos típicos da culinária local, como a goiabada, a famosa cachaça da roça mineira e queijo minas.

Além de tudo isso, ainda é possível encontrar algumas singularidades como a Capela com a imagem da Virgem de Fátima, onde pontualmente é celebrada a missa dominical as 7h. E a Cozinha Nestlé, com aula gratuita de culinária saudável e saborosa toda semana.

Muitas atrações e não sabe por onde começar? O Mercado Central disponibiliza visita guiada para grupos (20 pessoas por grupo) com guias bilíngües de segunda a sábado, das 09h as 17h e, aos domingos e feriados, das 09h as 13h.

sisters_in_travel-10_pontos_turisticos-belo_horizonte-mercado_central

07. Mineirão – Estádio Governador Magalhães Pinto

O estádio inaugurado em 1965, para os apaixonados por futebol, apelidado de “Gigante da Pampulha”, o Estádio Governador Magalhães Pinto, também conhecido como Mineirão, tem capacidade para 62 mil pessoas desde a última reforma para a Copa do Mundo 2014.

sisters_in_travel-10_pontos_turisticos-belo_horizonte-mineirao

08. Mirante Mangabeiras

No bairro Mangabeiras, atrás do Palácio do Governador está uma área de preservação ambiental de aproximadamente 35.400m (116.14 feet)² divididos em dois decks de madeira, o mirante proporciona uma visa singular da cidade e do Parque das Mangabeiras. Sinta a paz que só a natureza lhe proporciona em plena cidade.

sisters_in_travel-10_pontos_turisticos-belo_horizonte-mirante_mangabeiras

09. Parque das Mangabeiras

Considerado um dos mais belos pontos ecológicos de Belo Horizonte, o Parque das Mangabeiras, na Serra do Curral tem projeto paisagístico assinado por Burle Marx. 2,3 milhões de metros quadrados de mata nativa, com possibilidade de realização de trilhas, caminhadas em meio à natureza.

Muito bem estruturado, o Parque das Mangabeiras têm quiosques, quadras poliesportivas, brinquedos para crianças e espaços destinados a apresentações e shows.

sisters_in_travel-10_pontos_turisticos-belo_horizonte-parque_mangabeira

10. Praça da Liberdade

Construída em 1895 e finalizada dois anos depois, pode-se dizer que a Praça Liberdade é muito mais que uma praça, um grande complexo paisagístico que conseguiu reunir todos os estilos arquitetônicos que marcaram época na historia capital mineira.

Localizado na região Savassi, a Praça da Liberdade é também o encontro de quatro grandes avenidas da capital mineira: Cristóvão Colombo, João Pinheiro, Brasil e Bias Fortes.

sisters_in_travel-10_pontos_turisticos-belo_horizonte-praca_da_liberdade

Aproveite o melhor de Belo Horizonte, o Brasil é lindo!!!

Gostaram dos destaques? Deixe no comentários, vamos adorar saber!!

E não esqueça de “amar” o post.

Ps. As fotos foram retiradas da internet!!